Poesia Viva

terça-feira, março 21, 2006

DIA MUNDIAL DA POESIA


POESIA VERSUS DIA MUNDIAL DA POESIA

É o sal da própria vida!
Dá-lhe todos os sabores
É a prenda mais querida
É uma tela de mil cores.

É o saltar da fronteira
É a visão mais abrangente
É o viver a vida inteira
É o saber estar contente

É uma foto colorida
É o arco iris no céu
É a ternura vivida
É a retirada do véu

É a tristeza sentida
É a alegria pujante
É a soberba perdida
É a compaixão triunfante

É a mãe de toda a magia
É o que une a vida inteira
É tudo o que eu queria
Para fazer a sementeira

E quando já não puder ver
A vida com olhos da poesia
Devo estar para morrer
Virá a noite, acabará o dia!

José António

21/03/2006

(Foto de Isabel na Praia do Magoito, Sintra)

14 Comments:

Enviar um comentário

<< Home