Poesia Viva

domingo, fevereiro 15, 2009




CAMINHA

Ouve-te, se a vida te foge
Pára, se não sabes onde vais
Começa já a partir de hoje
Não é tempo para soltar ais

Cria a tua própria realidade
És o único dono do teu querer
Só tu sabes qual a tua verdade
No íntimo de ti está o teu SER

E vive todo e cada momento
Obstáculos são para ultrapassar
Não há mesmo nenhum tormento,
Se tu quiseres, que te faça parar

Faz-te ao caminho hoje, agora
A Vida vive-se sempre a andar
Não se tropeça para trás, ora!
Tarde ou cedo terás que te dar

Abre o coração ao teu Interior
Faz silêncio como e quando quiseres
A pérola mais pura está no amor
Evolui e vai, para entender poderes


José António

Lisboa, 15 de Fevereiro de 2009.

(Foto de Isabel)








58 Comments:

Enviar um comentário

<< Home